Blog

Postado em em 16 de novembro de 2021

Planilha de Orçamento de Obra: Passo a Passo para Organizar

Realizar uma obra, independentemente do tipo de projeto, sempre demanda bastante cuidado e atenção. Afinal, é preciso entender qual é a expectativa para o imóvel, estudar custos, encontrar profissionais qualificados, etc.

Para simplificar isso tudo, você pode usar uma planilha de orçamento de obra.

As informações e dados descritos, em uma tabela, dão uma dimensão melhor do que será necessário para o projeto. Além disso, claro, mostra como é possível economizar sem abrir mão da qualidade da obra.

Muito bom, não é mesmo? Então, continue por aqui, porque vamos dar algumas dicas práticas de como desenvolver uma planilha excelente. Aproveite!


>> Leia também: Quais são as principais funções do Excel? Conheça as 9 mais importantes


Como fazer uma planilha de orçamento para obras

A palavra-chave para fazer uma planilha orçamento de obra é: captação de dados. Sim, o ideal é que você pense na tabela como se ela fosse um diário de obra mesmo.

Absolutamente tudo o que você precisa comprar, investir, reparar, contratar, enfim, deve estar na planilha.

Sendo assim, realmente crie o hábito de mexer nesse tipo de documento. Aliás, dá para deixar a planilha no seu Drive do Google, por exemplo, e acessá-la em qualquer hora e lugar, por meio do celular.

Se necessário, ainda dá para compartilhar a planilha de orçamento da obra com outras pessoas (também por meio das configurações do Drive).

Agora, sim, confira as dicas práticas e aprenda como criar uma planilha de obras, que pode ser usada por empresas e pessoas físicas:

1. Levantamentos dos serviços a serem realizados

Com base nas expectativas a respeito do projeto, defina quais serão os serviços necessários. Por exemplo:

  • aluguel de guincho;
  • mão de obra de pedreiros e ajudantes;
  • contratação de eletricista e de encanador;
  • compra de tijolos, cimento, azulejos;
  • entre outras providências.

Coloque absolutamente todas as necessidades sobre os serviços na planilha.

2. Análise de composição de preços

A composição de custos nada mais é do que o orçamento em si. Para isso, então, também coloque todos os gastos necessários na sua planilha.

Ligue para lojas de materiais de construção, peça indicações de pedreiros para conhecidos ou para outras empresas (descubra o preço médio das atividades), veja qual é a média de valor dos materiais para aluguel (guincho, andaime, caçamba, etc.).

Enfim, aqui, a missão é entender quanto custará uma obra, prever os custos e deixá-los anotados.

Observação: vez ou outra, pode acontecer de alguns itens saírem do valor previsto. É por isso que pensar em economizar, o máximo possível, é tão importante. Afinal, se você poupa dinheiro agora, consegue resolver um imprevisto lá na frente.

3. Possibilidades de negociação

Falando em poupar dinheiro, também separe uma coluna ou uma aba da sua planilha de obras para as possibilidades de negociação.

Quando você já sabe quais materiais e serviços serão necessários, além disso, quais serão as etapas da obra, dá para negociar mais.

Por exemplo: você pode tentar um desconto x na contratação de um grande volume de materiais para construção.

Além disso, conseguir um desconto no aluguel de equipamentos que ficarão dias e até meses na obra.

4. Custos indiretos e acessórios

Construir ou reformar um imóvel vai muito além da contratação de materiais, serviços e mão de obra.

Também é fundamental providenciar algumas documentações. Por exemplo, para iniciar uma obra de construção civil, é necessário ter: registro de imóvel e alvará de construção.

A questão é que emitir esses documentos e, assim, ficar com tudo regularizado também custa dinheiro.

O melhor, então, é sempre considerar custos indiretos na sua planilha de orçamento para a obra.

5. Não se esqueça do BDI

A sigla BDI significa Benefícios e Despesas Indiretas. Mas, afinal, quais são esses custos? Nesse caso, estamos falando de contas, como: luz, água, telefone e afins.

Ou seja, são despesas mais básicas, que fornecem condições para que a obra seja realizada.

Afinal de contas, não dá para fazer nada sem luz e sem água, por exemplo. A lição, então, é também considerar os custos de BDI, em sua planilha de orçamento de obra.

coloque em prática nossas dicas e construa as melhores plainlhas de orçamento para sua obra

Confira mais dicas de como fazer planilhas com o curso de Excel

Você já pensou em fazer um curso de Excel? Com a Hashtag Treinamentos isso é mais que possível.

Nós preparamos uma série de aulas e de exercícios, que podem ser feitos on-line. Dessa forma, você estuda onde e quando quiser.

Outra vantagem é as aulas serem para pessoas de qualquer nível de conhecimento. Após finalizar o curso, você poderá se tornar um expert em Excel, não importa se, hoje, tem conhecimentos básicos.

Aproveite e deixe o seu dia a dia de trabalho muito mais prático e eficiente com planilhas!

Além disso, surpreenda seus colegas de trabalho e consiga ótimas oportunidades mercado afora. Vale sempre lembrar que os conhecimentos em Excel são considerados básicos por muitas empresas.

Diante disso, o melhor a fazer é correr atrás das teorias e práticas do programa da Microsoft!

Quer aprender a mexer no Excel ainda hoje? Conheça o Curso Completo Online e com certificação de Excel da Hashtag Treinamentos!

Conclusão

Gostou de saber as principais dicas para montar uma planilha de orçamento de obras? Como vimos, é sempre fundamental ter o maior número de informações para conseguir se organizar.

Então, antes de iniciar a sua reforma ou construção, cote preços, veja como negociar com fornecedores, vá atrás de documentações para liberação dos trabalhos e não se esqueça das contas básicas (água, luz, telefone, etc.).

Todos os dados devem estar descritos na sua planilha de custos de obra. Lembrando, também, que nós da Hashtag Treinamentos entendemos tudo sobre planilhas e Excel.

Então, aproveite o nosso curso e, fora isso, continue aqui no blog Hashtag Treinamentos para saber mais informações bacanas para a sua rotina!

Veja também:

Aprenda a se destacar na sua empresa apenas com o Excel! Na Jornada do Excel vamos te ensinar a impressionar com as suas planilhas!