Blog

Postado em em 10 de agosto de 2021

Função INDIRETO no Excel – Como Utilizar essa Função

Nessa aula eu vou te mostrar como usar a função INDIRETO no Excel que poucas pessoas sabem utilizar. E ainda vou te mostrar um exemplo prático!

Caso prefira esse conteúdo no formato de vídeo-aula, assista ao vídeo abaixo ou acesse o nosso canal do YouTube!

Para receber a planilha que usamos na aula no seu e-mail, preencha:

Resumo

Nessa aula eu vou te mostrar como usar INDIRETO no Excel para que você tire todas as dúvidas que têm em relação a essa função.

E o melhor de tudo é que se você ainda não sabe como utilizar a fórmula INDIRETO no Excel você vai começar a utilizá-la para complementar suas planilhas e deixá-las ainda melhor!

Como usar a função INDIRETO no Excel

Você já deve ter ouvido falar bastante nessa função INDIRETO Excel (ou fórmula INDIRETO Excel), mas você sabe como utilizar e para que serve essa função?

Essa não é uma função muito trivial então é comum que muitas pessoas não saibam como utilizar, é por isso que vou te explicar o passo a passo e um exemplo prático.

Função INDIRETO no Excel

Vou iniciar te mostrando os dados que temos na planilha.

Base de dados
Base de dados

É possível observar que temos informações de data, movimento e valor na planilha. Temos também um resumo de todas as informações na parte da direita.

Essa é uma das planilhas, só que temos uma aba para cada mês do ano, então temos 12 abas de Janeiro a Dezembro.

Exemplo prático
Exemplo prático

Agora na aba Prática nós temos esse resumo geral para que a pessoa não tenha que ficar visualizando aquele tanto de informações de aba por aba.

E aqui você vai selecionar um mês específico e o Excel vai retornar as informações de acordo com as fórmulas.

Só que é aqui que muitos cometem um erro bem comum. Vou te mostrar utilizando o Saldo.

Você já deve saber que para fazer referência a uma aba no Excel nós vamos escrever o nome da aba + ! + a célula desejada.

Teste para obter dados de outra aba
Teste para obter dados de outra aba

Então nesse caso nós vamos pegar o nome Outubro e concatenar com !E2 para criar Outubro!E2 que deveria trazer a informação da célula E2 da aba Outubro, certo?

Errado, o Excel não aceita esse tipo de ação, por isso que muitas pessoas não conseguem fazer isso. As pessoas até tentam arrastar a fórmula para baixo para verificar se consegue puxar todas as células.

E olha qual o resultado temos depois de fazer isso!

Resultado da fórmula testada
Resultado da fórmula testada

Um pouco diferente do que estávamos esperando não é mesmo? Mas por que isso acontece?

Quando utilizar o operador & o Excel já assume que estamos tratando de textos, então o resultado que ele gera é um texto, e não é isso que queremos.

Nós queremos que ele traga o valor que está nessa referência. Mas como vamos fazer o Excel entender que queremos a célula E2 da aba Outubro e não o texto Outubro!E2?

Aqui é que entra a função INDIRETO!

Função INDIRETO
Função INDIRETO

Essa função vai fazer com que o Excel entenda que isso não é mais um texto e sim uma referência, ou seja, essa construção deixou de ser um texto e passou a ser uma referência de célula.

Então quando escrevemos com essa função é a mesma coisa que se tivéssemos apenas =Outubro!E2, então o Excel vai trazer esse valor.

Então basicamente o que essa função faz é transformar esse texto e uma referência válida dentro do Excel.

Por que essa função é tão importante se a gente pode simplesmente selecionar a célula que queremos?

Exatamente para deixarmos isso mais dinâmico, pois se alterarmos o mês nessa célula de Mês o Excel vai alterar o mês dentro da fórmula e vai criar uma nova referência.

Resultado da função INDIRETO
Resultado da função INDIRETO

Isso quer dizer que não temos uma referência fixa, podemos variar a nossa seleção de abas utilizando a função INDIRETO.

Expandindo a fórmula para as outras células
Expandindo a fórmula para as outras células

Agora você tem uma forma fácil e rápida de obter dados de outras abas sem se preocupar em ter uma célula com apenas o texto daquela referência.

Agora como desafio eu deixo pra você preencher as informações da aba Exercício, onde temos um resumo geral com todos os meses, então seria basicamente juntar as informações que já fizemos, mas em uma única tabela.

Assim teríamos um resumo de todas as 12 abas em uma só para facilitar a visualização e análise de dados.

Desafio utilizando a função INDIRETO
Desafio utilizando a função INDIRETO

Aqui nós vamos utilizar a mesma função INDIRETO para trazer as informações necessárias para o nosso resumo, só que aqui nós temos uma vantagem.

Que é arrastar as fórmulas para baixo, pois como estamos utilizando a função INDIRETO ela vai pegar as referências corretas e trazer exatamente os valores que queremos das respectivas abas.

Resultado do desafio
Resultado do desafio

Caso queira conferir se está tudo certo basta olhar no primeiro exemplo que fizemos!

OBS: Nas duas últimas colunas nós utilizamos a função CONT.SES, então se você ainda não sabe como ela funciona basta clicar aqui que temos um post explicando como ela funciona para que você possa dar continuidade!

Conclusão

Nessa aula eu te mostrei como utilizar a função INDIRETO e como ela vai poder te ajudar na construção das suas próximas planilhas.

Muitas pessoas tentam construir as fórmulas da maneira que mostrei no início e não funciona, então acabam desistindo e tentando fazer de outra maneira.

Agora que você sabe como fazer já pode facilitar seus trabalhos utilizando essa função que poucos entendem e sabem como utilizar.

Hashtag Treinamentos

Para acessar outras publicações de Excel Intermediário, clique aqui!


Quer aprender tudo de Excel para se tornar o destaque de qualquer empresa?


Quer participar do maior evento de Power BI da América Latina? Só preencher seu e-mail abaixo que sua vaga estará garantida!