Blog

Postado em em 19 de julho de 2022

Dashboard de Óleo e Gás no Excel – Saiba Como Criar um Dashboard

Hoje eu quero te mostrar como criar um dashboard de óleo e gás no Excel para que você consiga criar os seus próprios dashboards!

Caso prefira esse conteúdo no formato de vídeo-aula, assista ao vídeo abaixo ou acesse o nosso canal do YouTube!

Para receber por e-mail o(s) arquivo(s) que utilizamos na aula, preencha:

Dashboard em Excel para Óleo e Gás

Hoje vamos abordar um dashboard diferente, principalmente para te mostrar que não vamos aplicar isso só a área de vendas por exemplo.

Podemos criar dashboards para todas as áreas, basta mostrar as principais informações da sua área para que sua apresentação fique melhor e mais fácil de ser entendida!

Dashboard de Óleo e Gás

Antes de criar qualquer dashboard, é importante que você tenha suas informações organizadas nas suas tabelas, ou seja, sua base de dados tem que ter os dados corretos e organizados!

Isso é muito importante, pois o dashboard será composto com essas informações que você já tem na sua base de dados, então é importante que ela esteja organizada e correta para facilitar tanto a criação quanto o entendimento dos dados.

Base de dados já organizada e formatada
Base de dados já organizada e formatada

Aqui já temos essas informações bem classificadas, então temos: Estado, Bacia, Campo, Operador, Período, Quantidade de Barris por Dia, Volume Gás e Tempo de produção.

Aqui vale ressaltar que na coluna de período nós só vamos ter o primeiro dia de cada mês, isso significa que cada linha é uma representação da produção daquele mês inteiro.

OBS: Nesse caso nossa tabela tem quase 150.000 linhas, agora imagine se você fosse fazer isso para cada um dos dias de forma separada. Por isso as vezes é importante fazer um resumo das suas informações, principalmente se não for necessário utilizar a análise diária por exemplo.

Outro ponto muito importante para a criação de Dashboards é o conhecimento em Tabela Dinâmica.

O conhecimento em tabelas dinâmicas nesse caso é muito importante, pois são com essas tabelas que nós vamos criar vários resumos da nossa base de dados para colocar dentro do nosso dashboard.

Podemos verificar qual o top 5 bacias produtoras de petróleo, top 5 campos produtores de petróleo, entre outras análises.

Esse tipo de informação é muito importante para a criação dos nossos indicadores, gráficos e segmentações dentro do dashboard.

Outro ponto interessante que você saiba é a parte de gráficos, pois não basta apenas criar um gráfico com as informações das tabelas dinâmicas e pronto!

É necessário que você saiba formatar esse gráfico para que ele fique o mais visual possível sem muito informação “lixo”, ou seja, sem muitas informações que não ajudem a pessoa a entender do que se trata.

Sabendo disso nós podemos dar seguimento a criação do nosso dashboard de óleo e gás.

A ideia da aula não vai ser mostrar o passo a passo exato da construção de cada elemento para que não fique tão grande.

Vou te mostrar quais tabelas dinâmicas nós vamos criar e com quais filtros vamos aplicar em cada uma e por fim quais os gráficos e fórmulas vamos utilizar para a criação do dashboard.

Análises mensais em tabelas dinâmicas
Análises mensais em tabelas dinâmicas

Essas são as três primeiras tabelas dinâmicas que vamos construir, para podermos visualizar a soma de barris de petróleo por mês, volume de gás por mês e tempo de produção por mês.

Isso quer dizer que vamos ter um resumo das três últimas colunas da nossa base de dados, assim já vamos ter uma noção melhor desses valores.

Por isso a tabela dinâmica é tão importante, você vai conseguir visualizar de forma fácil quanto foi a produção em cada mês de uma forma muito mais simples, do que ter que analisar quase 150.000 linhas.

Análises de petróleo e gás por bacia e campo
Análises de petróleo e gás por bacia e campo

Em seguida nós vamos fazer o cálculo da soma de barris por dia e gás tanto da Bacia quanto do Campo, ou seja, vamos ter duas tabelas para petróleo e duas para gás.

Vamos utilizar o filtro de valores (10 primeiros), mas nesse caso vamos selecionar apenas os 5 primeiros para criar o nosso top 5 e vamos classificar as informações do menor para o maior.

OBS: Essa classificação do menor para o maior é para que os nossos gráficos de barra mostrem do maior para o menor e fique mais visual. Eles funcionam dessa forma dentro do Excel.

Análises de petróleo e gás por estado
Análises de petróleo e gás por estado

Aqui temos a soma de petróleo e gás por Estado. Novamente em classificação decrescente para facilitar a criação dos gráficos.

Análise de petróleo e gás por operador
Análise de petróleo e gás por operador

Em seguida vamos criar uma tabela dinâmica com os Operadores, a quantidade de petróleo e a quantidade de gás de cada uma.

Logo ao lado vamos construir um texto concatenando essas informações para colocarmos dentro do nosso dashboard.

Média de tempo de produção mensal
Média de tempo de produção mensal

Por fim criamos uma tabela com a média de tempo de produção por mês, e logo ao lado fizemos o percentual com produção e sem produção considerando que mensalmente temos 744 horas.

Com tudo isso pronto, nós ainda temos mais uma aba com os nomes dos Operadores e a logo de cada um deles.

Tabela com operadores e suas logos
Tabela com operadores e suas logos

Isso vai servir para deixar mais claro de qual operador estamos nos referindo dentro do nosso dashboard, até porque apenas de olhar algumas dessas imagens você já sabe do que se trata.

Tendo tudo isso organizado nós podemos começar a criação do Dashboard. Você deve saber que um dashboard é um painel com as informações importantes para visualizar melhor e tomar decisões com base nesses dados.

A ideia é criar um dashboard que fique dessa maneira (lembrando que você pode alterar tudo o que quiser).

Dashboard de Óleo e Gás no Excel
Dashboard de Óleo e Gás no Excel

Esse seria o nosso dashboard final, mas para isso precisamos partir do início, vamos começar pelo plano de fundo que tenha relação com o seu tema.

Imagem de fundo
Imagem de fundo

Depois disso podemos colocar as formas (caixas) que vão servir de suporte para nossas informações.

Aqui você vai poder colocar da forma que quiser e vai poder modificar depois se precisar.

Dashboard de Óleo e Gás no Excel
Formas definindo o espaço de cada informação

Tendo todos os espaços já definidos e aproveitando todo o espaço que temos você já pode começar a inserir os gráficos e as informações.

OBS: Na parte inferior deixamos sem nada, pois vamos inserir uma linha do tempo e ela já tem um fundo, então não precisamos inserir dois fundos.

Com as formas criadas e com os títulos de cada parte inseridos nós podemos começar a inserir os gráficos.

Dashboard de Óleo e Gás no Excel
Descrição dos gráficos que serão utilizados em cada espaço

Aqui eu coloquei os nomes dos gráficos que vamos utilizar em cada parte para facilitar a criação do dashboard. Lembrando que você pode alterar qualquer um deles para se adequar melhor a sua apresentação.

Esses gráficos nós vamos criar com base nas tabelas dinâmicas, então ao criar o gráfico você pode selecionar as informações da própria tabela dinâmica.

Lembrando que você vai ter que fazer a formatação desses gráficos, até porque o visual padrão não vai combinar com a sua apresentação.

Então você pode adequar os eixos, remover os títulos, acrescentar os rótulos de dados, trocar as cores, tirar o fundo, tirar as linhas de grade…

IMPORTANTE: Na hora de criar a linha do tempo, você vai clicar com o botão direito nela, depois vai clicar na opção Conexões de Relatório. Nessa parte você vai marcar todas as suas tabelas dinâmicas. Dessa forma a sua linha do tempo vai conseguir filtrar todas as tabelas ao mesmo tempo e você vai visualizar o mesmo período em todos os gráficos.

Dashboard de Óleo e Gás no Excel
Dashboard com gráficos e linha do tempo

Aqui já temos todos os gráficos criados e devidamente formatados, lembrando que você pode alterar tanto os gráficos quanto as formatações para se adequar a sua apresentação e as cores da sua empresa caso seja necessário.

Inserindo as caixas de texto
Inserindo as caixas de texto

Para a parte dos operadores nós vamos colocar algumas caixas de texto trazendo as informações da tabela onde temos as informações de petróleo e gás por operadores.

E vamos trazer também aquele texto que concatenamos para juntar as duas informações desse operador em uma única célula.

Agora para a parte das imagens nós vamos fazer algo um pouco diferente para deixar essa parte também automática.

O que vamos fazer inicialmente é ir até a guia Fórmulas > Gerenciador de Nomes. Aqui nós vamos criar um “nome” e vamos atribuir uma fórmula a esse nome.

Isso é necessário para que você consiga trazer dentro de uma imagem a imagem correta do nosso operador.

Gerenciador de Nomes - Criando fórmula para trazer a logo dos operadores
Gerenciador de Nomes – Criando fórmula para trazer a logo dos operadores

Aqui nós vamos ter que criar 5 nomes, pois vamos precisar de uma fórmula para cada um dos top 5 que criamos.

A fórmula que vamos utilizar é a combinação das funções ÍNDICE e CORRESP, pois com PROCV ou PROCX o Excel não permite trazer a imagem no resultado, então vai ter um erro.

=ÍNDICE(Imagens!$B$1:$B$10;CORRESP(Cálculos!$V$2;Imagens!$A$1:$A$10;0))

Feito isso você deve ter notado que além da fórmula nós criamos esse nome, e esse nome vai servir como uma fórmula.

Inserindo a fórmula na imagem para trazer a imagem corresponde a sua posição
Inserindo a fórmula na imagem para trazer a imagem corresponde a sua posição

Então na barra de fórmula de cada imagem você vai colocar o nome de cada uma das imagens. Como temos 5 imagens vamos criar 5 nomes, começando pelo img_top1.

Agora basta colocar cada fórmula em cada uma das imagens e ajustar o tamanho das imagens para ficar do lado de cada uma das informações de texto que colocamos.

Pronto! Agora o dashboard está pronto e é todo automático, então sempre que selecionar um mês ou um período dentro da linha do tempo todos os gráficos serão ajustados para aquele período.

Dashboard de Óleo e Gás no Excel
Dashboard automático completo

E aí, gostou desse dashboard? Agora é a sua chance de poder construir o seu próprio dashboard e impressionar nas próximas apresentações.

Conclusão – Dashboard de Óleo e Gás no Excel

Nessa aula eu te mostrei como construir um Dashboard de Óleo e Gás no Excel. Te mostrei as principais ferramentas que você precisa para poder construir esse e qualquer outro dashboard.

Basta ter uma base de dados já organizada para poder começar! Lembrando que você pode fazer qualquer modificação que precisar para adaptar o dashboard para sua área!

Hashtag Treinamentos

Para acessar outras publicações de Excel Avançado, clique aqui!


Quer aprender mais sobre Excel com um minicurso básico gratuito?

Quer sair do zero em Excel e virar uma referência na sua empresa? Matricule-se agora mesmo no Excel Impressionador!