Blog

Postado em em 28 de agosto de 2022

Curso de Power BI Aula2 – Cálculos no Power Query

Hoje em Curso de Power BI Aula2 eu vou te mostrar como fazer cálculos e como utilizar ferramentas incríveis no Power Query!

Caso prefira esse conteúdo no formato de vídeo-aula, assista ao vídeo abaixo ou acesse o nosso canal do YouTube!

Curso de Power BI Aula2

Para receber por e-mail o(s) arquivo(s) utilizados na aula, preencha:

Curso Básico de Power BI

Nessa aula (Curso de Power BI Aula2) nós vamos estar criando cálculos no Power Query, que é o ambiente de edição de dados do Power BI.

Esse é um ambiente muito importante dentro do Power BI, pois ele nos permite criar cálculos e fazer o tratamento dos dados antes de trazer de fato para o Power BI!

Curso de Power BI

Na última aula nós fizemos algumas edições no Power Query, mas é possível que você esteja no Power BI e se arrependa de alguma modificação ou queira fazer mais algum tratamento no Power Query, como fazer?

É bem simples, basta ir até a guia Página Inicial e selecionar a opção Transformar Dados. Com isso você já volta para o Power Query e pode fazer suas modificações ou alterar o que já foi feito.

Etapas aplicadas (histórico de ações)
Etapas aplicadas (histórico de ações)

Nessa parte de etapas aplicadas nós temos todo o registro de todos os tratamentos que você fez dentro do Power Query. Então por mais que não tenhamos o CTRL + Z que é o famoso atalho para desfazer.

Essas etapas aplicadas acabam sendo bem melhores, pois você pode não só desfazer uma dessas ações como pode modificá-las clicando nas respectivas engrenagens.

Outra coisa que você pode fazer é clicar em cada uma dessas etapas para verificar como estava sua base de dados em cada uma dessas modificações.

Vamos agora ver uma ferramenta que é muito útil dentro do Power Query que vai facilitar a sua vida na hora de extrair informações de uma coluna.

Ferramenta Coluna de Exemplos
Ferramenta Coluna de Exemplos

É a ferramenta Coluna de Exemplos, que fica na guia Adicionar Coluna. Vamos supor que você queira pegar somente a cidade de cada um desses endereços.

Só que elas não vão ter o mesmo número de caracteres, nesse caso o padrão seria apenas uma posição dentro do endereço como um todo.

E para que você não tenha que especificar exatamente onde está, podemos utilizar a coluna de exemplos, que como o próprio nome sugere, vamos dar exemplos e o próprio programa vai encontrar o padrão que queremos.

Inserindo o primeiro exemplo para verificar as sugestões do Power Query
Inserindo o primeiro exemplo para verificar as sugestões do Power Query

Assim que você escreve o primeiro exemplo que é a informação que quer daquela linha, o Power Query já vai te dar algumas sugestões.

Nesse caso, claramente não é isso que queremos, então você pode continuar escrevendo. Geralmente entre 3 e 4 exemplos já é o suficiente.

Curso de Power BI Aula2
Segundo exemplo com as sugestões corretas

Aqui no segundo exemplo o programa já identificou o padrão e já trouxe as informações.

IMPORTANTE: Aqui é interessante que você dê uma olhada em outras informações mais para baixo só para garantir que tudo está correto. Se visualizar uma informação que não esteja correta, pode alterar na própria linha que o programa vai ajustar e melhorar a busca desse padrão.

Feito isso basta clicar em OK e alterar o nome da sua coluna. Pronto! Agora você tem a informação da cidade que foi retirada da sua coluna de endereço através da busca de um padrão nessa coluna.

Essa é uma forma muito fácil e rápida de você trazer uma informação sem ter que utilizar fórmulas, por isso o Power Query acaba sendo muito útil e bem versátil, pois possui diversas ferramentas muito eficientes sem que você tenha que utilizar fórmulas.

Nessa parte algumas pessoas têm uma dúvida que é muito comum, “Se eu alterar os dados no Power Query os dados no Excel serão alterados?”.

A resposta é não, a base de dados no Excel permanece inalterada, o que estamos fazendo é ajustar a base de dados dentro do próprio Power Query.

Só que se você adicionar novas informações dentro do arquivo em Excel o que acontece?

Aqui temos uma “mágica”, quando você atualiza os dados dentro do Power Query ou do Power BI, o programa vai repetir todas as etapas aplicadas para os novos dados que você inseriu.

Isso quer dizer que você não vai precisar refazer o seu tratamento de dados, todos os novos dados serão tratados igualmente você tratou a sua base de dados inicialmente.

Isso é muito interessante, pois se você for sempre alimentando essa base de dados só tem o trabalho de fazer seu tratamento de dados uma única vez.

Agora vamos supor que você só precise da informação de cidade e não precise mais da sua coluna de endereço, o que fazer com ela?

Nesse caso você pode excluir essa coluna sem problema algum, até porque para a criação da coluna de cidade nós a utilizamos, mas no nosso histórico (etapas aplicadas) ela ainda está lá, então utilizamos ela para fazer isso.

Curso de Power BI Aula2
Excluindo a coluna de endereço (registro na parte de etapas aplicadas)

Outro cálculo que podemos fazer dentro do Power Query são com as operações matemáticas mesmo. Então vamos supor que agora você precise inserir um imposto sobre o valor de salário.

Como exemplo vamos utilizar o valor de 30% de imposto, então vamos ter que aumentar em 30% o gasto da empresa, isso quer dizer que vamos multiplicar a informação de salário por 1,3.

Para fazer isso nós vamos selecionar a coluna Salário, vamos até a guia Transformar (pois vamos alterar a informação da coluna atual) e vamos até Padrão para escolher a operação de Multiplicação.

Curso de Power BI Aula2
Ferramenta de multiplicação

Aqui você só precisa inserir o valor que vai multiplicar a coluna que a mágica será feita!

Agora nós vamos querer saber qual é o total de custo de cada um dos funcionários, então vamos ter que somar a coluna de Salário, VR e VT.

Aqui você já pode selecionar as 3 colunas, pode fazer isso segurando a tecla CTRL para selecionar cada uma delas, ou pode utilizar a tecla SHIFT caso essas colunas estejam uma ao lado da outra.

Vamos utilizar a mesma ferramenta que utilizamos na multiplicação, só que agora vamos utilizar a soma.

IMPORTANTE: Para esse caso nós vamos querer manter essas 3 colunas, então vamos utilizar a soma dentro da guia Adicionar Coluna para adicionar uma coluna com esse resultado e não transformar essas 3 colunas em uma só com essa soma.

Feito isso você tem a soma dessas 3 colunas de uma forma muito rápida e fácil já para todas as colunas sem utilizar nenhuma fórmula!

Para finalizar nós podemos fazer o cálculo da idade no Power Query, para isso temos uma publicação onde temos algumas ferramentas úteis do Power Query (incluindo a coluna de exemplos).

Então para acessar essa publicação basta clicar aqui e ver como é fácil calcular a idade com base na data de nascimento!

Conclusão – Curso de Power BI Aula2

Nessa aula eu te mostrei como fazer alguns cálculos e operações dentro do Power Query de uma forma muito fácil e rápida.

Além de tudo, você não precisa escrever nenhuma fórmula, então fica ainda mais fácil, você tem diversas ferramentas que vão te ajudar a criar o que precisa.

Então mesmo que não seja um expert em Power BI e não saiba muito das fórmulas você vai conseguir fazer o seu tratamento de dados tranquilamente com o Power Query!

Hashtag Treinamentos

Para acessar outras publicações de Power BI, clique aqui!


Quer aprender mais sobre Power BI com um minicurso básico gratuito?

Quer receber um minicurso 100% gratuito de Excel? Preencha seu e-mail abaixo!